Uma cerveja que carrega tradição desde o século XIV, com lugar reservado na Oktoberfest e fabricada somente com água, malte e lúpulo. Estamos falando da cerveja Spaten de Munique, que chega ao Brasil para revolucionar a sua experiência com cervejas. Conheça mais esta cerveja que carrega o sabor de gerações com o Expert José Padilha.

O berço de famosos estilos de cervejas

Em primeiro lugar, é interessante saber porque o fato de uma cerveja criada em Munique merecer sua atenção.

Munique, ou Munich, é a capital da Bavaria ou Baviera (Bayern), Estado alemão considerado o templo das cervejarias. Foi na Bavaria que nasceu a técnica Lager. Ou seja, se hoje você bebe uma cerveja Lager ou Pilsen isso só é possível graças às técnicas bávaras de fermentação e maturação.

A Baviera está para as cervejas como Bruxelas está para os chocolates.

Expert em cervejas José Padilha

Aliás, falando em estilos de cerveja, foi a cervejaria Spaten que criou o estio Munich Helles em 1894. Estilo tradicional de Munique, possui uma cor dourada e límpida, com sabores do cereal e do malte predominantes e amargor de médio a baixo. Se você nunca experimentou, agora pode ser sua chance!

O estilo Munich Helles foi criado pela Spaten em 1894.

Spaten: cervejaria histórica na Oktoberfest

Munique também é o berço da Oktoberfest, o famoso festival de cerveja que acontece em diversos locais pelo mundo, inclusive aqui no Brasil. O festival foi criado pelo bávaro Luís I para celebrar o seu casamento e coroação como rei em 1810. O evento se tornou tradição e, a partir de 1872, passou a seguir diversas regras que traçam a identidade do evento pelo mundo todo.

Dica do Padilha: para entender mais sobre a origem do maior festival cervejeiro do mundo, o Expert indica a minissérie “Oktoberfest: Sangue e Cerveja”, da Netflix. Compre seu estoque de Spaten para curtir sua “maratona” na TV.

Uma dessas regras determina que só participam da feira cervejarias de Munique. As cervejarias ocupam desde stands menores a tendas maiores que atendem mais de 4 mil pessoas. E, dessas tendas, 6 delas são reservadas para cervejarias históricas de Munique, das quais a Spaten (@spaten_br) faz parte além de ser patrocinadora oficial do evento.

A Spaten tem lugar cativo em uma das 6 tendas reservadas para marcas históricas de Munique na Oktoberfest.

Reinheitsgebot, a Lei da Pureza

Fazer cerveja é coisa séria para os alemães. A prova é que desde o século XVI existe uma Lei da Pureza Alemã sobre a fabricação da cerveja, a Reinheitsgebot.

A lei da pureza, considerada um dos mais antigos decretos alimentares de toda a Europa, foi promulgada pelo duque Guilherme IV da Baviera, em 1516. Ela declara que a cerveja deve ser fabricada apenas utilizando água, malte de cevada e lúpulo. Na época, a levedura ainda não era conhecida, mas hoje é aceita pela lei, de acordo com certos parâmetros, assim como o malte de outros cereais, também seguindo normativas alemãs.

A cerveja Spaten respeita a mesma forma de fazer cerveja desde 1397, seguindo a tradicional Lei da Pureza: somente água, malte e lúpulo.

De Munique para o Rio

Depois de conhecer toda essa tradição que envolve a fabricação da Spaten, fica difícil não querer experimentar o sabor que se manteve intacto há 7 séculos.

Com teor alcoólico de 5,2%, a Spaten é uma cerveja de um dourado cristalino, amargor moderado e suave frescor. Harmoniza com bolinho de peixe, salada caprese e salsicha alemã, como indica o site oficial.

Garanta sua novidade

A melhor notícia é saber que garantir a sua é muito simples. Basta um clique no site ou app ou um oi no WhatsApp para garantir uma cerveja criada em Munique e agora fabricada no Brasil, rapidinho na sua casa.

Características da cerveja alemã Spaten. Infográfico: divulgação.