Prepara o limão para acompanhar porque o menu hoje é carne de porco! A carne suína oferece benefícios e nutrientes para o corpo, além de ter um sabor marcante e delicioso. Confira 6 benefícios que a carne suína traz para o seu corpo no dia a dia e o seu sabor especial no inverno.

A carne ideal para o inverno

As temperaturas mais amenas permitem garfadas vigorosas nos meses de inverno no Rio. É só os termômetros marcarem algo em torno de 20 graus, que os cariocas buscam além dos casacos, alimentos quentes e também mais calóricos para atender a demanda de energia que mantém o aquecimento do corpo.

Aproveitando esse “friozinho” na cidade, os carnívoros (amantes da carne) procuram estimular seus paladares com carnes mais fortes, de sabor mais encorpado e também mais temperadas. Um desses exemplos é a carne suína e os dados mostram o aumento desse consumo nos meses de temperaturas mais baixas: de acordo com o IBGE, no inverno de 2019, foi registrado o segundo maior volume de produção no setor, perdendo somente para os meses de Natal e Ano Novo.

A carne suína está entre as carnes mais fortes, de sabor mais encorpado e mais temperadas.

Benefícios

O fato de ter mais calorias não a impede que também faça bem a nossa saúde. A carne suína coleciona diversos pontos positivos, sendo uma excelente fonte de proteína, ferro, potássio e vitaminas do complexo B; além da gordura suína ser considerada uma fonte nutricional rica em energia. Não é a toa que ela é uma das carnes mais consumidas no mundo, não é mesmo? O nosso Expert em carnes, Marcelo Malta, indica a linha Corte D´Oro de suínos, que foi pensada com muito carinho para atender a todos os cariocas de coração.

O principal diferencial dessas carnes vai ao contrário da agroindústria, pois a cadeia de produção é planejada desde o melhoramento genético, a ração que alimenta os animais, até os promotores que participam do processo de criação. O resultado é uma carne com menos gordura e com muito mais qualidade.

6 benefícios da carne suína

Por que incluir a carne suína no seu dia a dia

  1. Protege o organismo do envelhecimento precoce
  2. Ajuda na prevenção de doenças como Hipertensão Arterial e Anemia
  3. Fortalece o sistema imunológico
  4. Rica em vitaminas do Complexo B
  5. Contribui para uma boa saúde muscular
  6. É fácil e simples de preparar

Escolha o corte ideal

Esses são alguns cortes que você encontra no Açougue Zona Sul. Conheça as melhores formas de preparo de cada uma delas:

Cortes suínos

Chorizo

Corte conhecido por ser a parte mais suculenta do contra filé suíno. Modo de preparo: pode ser na brasa, grelhado, no forno ou assado.

Costela

O pedaço de costela inteiro, ou em parte maiores, tem mais volume de carne. Perfeita para quem quer usar faca e garfo. Modo de preparo: na brasa ou assada no forno.

Filé Mignon

É retirado do lombo e um dos cortes suínos mais macios. Em geral, a peça pesa entre 250 e 350 gramas. Modo de preparo: pode ser grelhado ou empanado.

Picanha

Subcorte tipicamente brasileiro. Juntamente com o miolo da alcatra e à maminha formam a Alcatra completa. Na versão grill já é sucesso. Modo de preparo: brasa, grelhada ou assada no forno.

Receita

Para colocar em prática todo este aprendizado sobre a carne suína, nada melhor do que um arroz de costelinha suína, que também tem como ingredientes cerveja e queijo meia cura! Receita do Expert Marcelo Malta. É ideal para servir como prato principal e rende até 4 porções. Irresistível!