Representação da cultura brasileira e inspiração para inúmeras letras de músicas, as frutas são riqueza do Brasil. Do turbante de Carmen Miranda ao ABC de Moraes Moreira, os sabores dos nossos frutos colorem a gastronomia. Mas você sabe quais as frutas mais presentes em cada região do nosso país?

Arrume sua mesa para saborear a salada de frutas que só o nosso país é capaz de oferecer.

Seleção: fruta por região do Brasil. Por Zona Sul.

Abacaxi, o rei do norte

O abacaxi, fruto do abacaxizeiro, planta 100% tropical, desenvolve-se em clima quente e seco e suas folhas suportam até 40ºC. Por isso, há poucos anos atrás, acreditava-se que o cultivo do abacaxi não precisava de muitos cuidados e o fruto, consequentemente, era considerado rústico.

Abacaxi: 100% tropical, suporta temperaturas de até 40ºC.

Todavia, atualmente, já se sabe que o abacaxi, assim como outras frutas, apesar de seu aspecto espinhento e pouco delicado, também precisa de um “carinho” agrícola especial. Tais processos podem ser vistos na íntegra na coleção “Plantar” da EMBRAPA, que prova que o plantio da fruta requer técnica e informação.

Democrático com um pezinho no Norte

A cultura do abacaxi é feita em praticamente todo o território nacional, mas quando se fala sobre origens, estudos de distribuição do gênero Ananás indicam que o seu centro de origem é a região da Amazônia (CONAB, 2020).

Para completar nossas conclusões sobre a identidade do suculento fruto, o Pará foi o principal produtor de abacaxi em 2020, segundo estatísticas do IBGE. Ou seja, sua coroa mostra que o seu reino é a região norte do Brasil!

Benefícios e consumo

Rico em vitamina C e antioxidantes, o abacaxi já é velho conhecido quando o assunto é auxiliar na perda de peso. Além disso, ele atua como anti-inflamatório e ajuda no alívio das dores do corpo após a prática de exercícios.

Pode ser consumido in natura, em conserva, desidratado e como ingredientes de receitas doces e salgadas. O abacaxi é totalmente versátil e “se vira nos 30”, como bom brasileiro que é!

Uma dica especial: o talo do abacaxi possui uma substância chamada bromelina, que funciona como amaciante natural para carnes. Além de dar uma bela sobremesa, você agora já conhece outra função para o abacaxi no seu churrasco.

Falando nisso, que tal aprender uma combinação divina de abacaxi grelado com queijo Jersey com o Expert André Guedes? Clica no play abaixo!

Abacaxi com queijo Jersey, por André Guedes

Melancia, as cores do centro-oeste

Queridinha do verão, a melancia é uma fruta com polpa doce e com 90% de água na sua composição.

Assim como o abacaxi, é produzida em diversos Estados brasileiros, mas tem se mostrado com grande importância para o desenvolvimento econômico e tecnológico da fruticultura do centro-oeste.

De Goiás para o mundo

Na região, o Estado de Goiás o lidera ranking nacional de rendimento médio da produção de melancia, com mais de 41 toneladas da fruta produzidas por hectare, de acordo com a Secretaria de Agricultura do Estado.

Devido aos números, diversos setores do Estado têm atuado para promover melhorias e fortalecer a produção no Estado e ampliar a comercialização interna e externa. Melancia: de Goiás para o mundo!

Benefícios e consumo

Em primeiro lugar, ela hidrata, protege a pele e ajuda a desinchar.! Boa para consumir em fatias, cortada em pedaços ou em forma de sucos (Me Bebe!) ou smoothies, ela é saborosa até mesmo acompanhando saladas e pratos salgados.

E que tal aprender uma receita de salada de melancia com queijo Feta, por Marcelo Scofano? Confira:

Salada de melancia com Feta, por Marcelo Scofano

Maçã, o sabor do sul

Não existe dúvidas na hora de escolher a região brasileira que representa a maçã, pois Santa Catarina, no sul do Brasil, produz sozinha cerca da metade da quantidade de maçãs nacionais.

De acordo com o governo de Santa Catarina, o Estado espera colher mais de 550 mil toneladas de maçã na safra 2020/21, o que representa metade da produção nacional da fruta. Santa Catarina conta com aproximadamente dois mil produtores, basicamente agricultores familiares.

Destaques para Gala e Fuji

Com destaque para a produção das maçãs Gala e Fuji, a atividade também é um atrativo turístico para a região, devido aos belos pomares e claro, pela gastronomia de qualidade!

Variedades de maçãs, por Zona Sul

Torta de maçã

Para se deliciar com essa fruta, aprenda uma torta de maçã com Piero Cagnin. Feita com maçã Fuji, uma das produzidas em Santa Catarina, a torta não leva ovos! Acredita? Aprenda no vídeo abaixo.

Torta de maçã por Piero Cagnin

O sudeste é cítrico!

Várias frutas são consumidas e produzidas em peso no sudeste: mamão, carambola, cacau, banana, abacate, atemoia, entre outras. Mas se é para escolher um grupo de frutas para representar o sudeste, vai de cítricos!

Citricultura do sudeste

De acordo com edital 2019 do Banco do Nordeste, a produção brasileira de citros está concentrada no Sudeste do País, em São Paulo e no triângulo mineiro. Sabia que citros é um dos nomes da nossa amada laranja?

Em termos gerais, a citricultura brasileira está concentrada na produção de laranj. Logo atrás estão tangerina e limão. Apesar da área de cultivo de laranja ocupar quase 600 mil hectares em comparação com aproximadamente106 mil de tangerina e limão juntos, a tendência de aumento de cultivo dessas outras frutas é real, para atender o crescimento da demanda do mercado interno (fonte).

Benefícios da laranja

Receitas cítricas

Para uma região cheia de energia como o sudeste, onde estão situadas as duas maiores metrópoles do país, nada melhor do que uma receita para começar o dia com energia e aquele gostinho da cerveja que o brasileiro gosta tanto. Afinal, essa história de que cerveja é tudo igual é puro mito.

A dica do Expert José Padilha é o drink alemão de cerveja com laranja, chamado de Frühstück, para tomar no café da manhã. Não acredita? Aperta o play!

Cerveja e suco de laranja para começar o dia.

Nordeste: o sabor do coco

Você sabia que o Brasil é o quinto maior produtor de coco do mundo?

Diferente do direcionamento dos maiores produtores mundiais, que aponta para a produção de óleo de coco e farinha de coco, os cultivos brasileiros destinam-se à produção de coco seco in natura, coco ralado, leite de coco e água de coco.

Brasil, quinto maior produtor de coco do mundo! Em primeiro lugar, está a Indonésia.

Dentro do nosso país, portanto ,a região Nordeste é a maior produtora, com 81,3% da área e 71,2% da produção nacional (fonte: edital Banco do Nordeste 2020).

Ou seja, não é à toa que o brasileiro adora usar leite de coco em suas receitas, como na moqueca capixaba, e tomar uma saborosa e refrescante água de coco na praia.

Aliás, sabia que a água de coco é considerada uma bebida funcional?

Benefícios do coco

Os benefícios do coco são conhecidos de longa data e, felizmente, algumas descobertas na área medicinal têm desmistificado muitas questões sobre essa fruta que é, sem dúvida, do bem.

Muitos relacionavam os alto níveis de gordura saturada do coco à aumento do nível do colesterol “ruim”. Mas hoje, já se sabe que a gordura do coco é composta por ácidos graxos importantes para a saúde.

Benefícios do coco

Foi descoberto que os ácidos graxos do coco são transformados em corpos cetônicos, que pode ter um efeito terapêutico em distúrbios cerebrais, como a epilepsia ou a doença de Alzheimer. A cetose é o princípio da dieta cetogênica, por exemplo. Mas lembre-se: nada de dietas sem consultar o profissional em nutrição, ok?

O coco é mestre em dar logo aquela sensação de saciedade, o que ajuda na manutenção do peso.

Receitas com coco

Se você ama coco, pode ver estas receitas de saladas e pratos salgados com coco e também pode conferir como preparar o seu próprio leite de coco para fazer moqueca.

Mas se você é apaixonado por um docinho, siga o passo a passo abaixo para fazer um pudim de mandioca com coco, por Marcelo Scofano:

Marcelo Scofano ensina a preparar pudim de mandioca com coco

Uma pausa para as uvas no nordeste!

Além do coco, o nordeste também se destaca pela produção de uvas, sabia? Quando se fala em uvas, a primeira região do Brasil que vem na sua cabeça com certeza é o sul. E você está correto, afinal a maior produção da fruta destinada para a vitivinicultura está por lá mesmo, principalmente no Rio Grande do Sul.

As uvas de mesa que você encontra nas prateleiras dos supermercados vêm, em grande maioria, do Nordeste!

Porém, de acordo com a EMBRAPA, a região Nordeste é, atualmente, a principal região produtora de uvas de mesa do país!

Entende-se por uvas de mesa aquelas para consumo, das quais se destacam a Niágara Rosada (rústica) e Itália. As uvas sem sementes que você encontra no mercado, inclusive, são produzidas especialmente no Vale do São Francisco, no Nordeste brasileiro.

Por fim, depois dessa viagem pelos frutos e sabores do Brasil você não vai resistir e vai querer aproveitar o melhor do hortifruti Zona Sul! Confira a variedade e capriche na sua alimentação saudável!