Queijo é uma das invenções alimentares mais antiga da humanidade. Estudos sobre queijos indicam que os primeiros foram desenvolvidos há 5.000 anos na Ásia Central e no Oriente médio. Semi-duro, mofo azul, mofo branco, cremosos e queijos duros são alguns dos estilos de queijos mais produzidos no mundo. Nos últimos anos, o consumo tem crescido, seja na montagem de pratos, sanduíches ou para acompanhar vinhos especiais. E quem ganha com essa enorme variedade de receitas somos nós. 

Preparei uma lista por estilo de queijos para te ajudar na hora de escolher os queijos ideais para as suas receitas. Confira e combine.


Queijos de mofo azul

Gorgonzola

Ideal para preparo de molhos para massas ou para consumir ao natural. Harmoniza com vinhos licorosos. Dica: molhar a faca antes de cortar o Gorgonzola evita esfacelar o queijo.

Roquefort

Pode ser cortado em pequenos pedaços e salpicado sobre saladas. Muito indicado para molhos em pratos sofisticados. Harmoniza com vinhos licorosos.

Queijo de mofo azul.

Queijos de mofo branco

Brie

Pode ser consumido ao natural em tábua de queijos e saladas ou aquecido com geleias e frutas secas. Harmoniza com vinhos Chardonnay e Tintos Pinot Noir. Dica: retire da geladeira 30 minutos antes de consumir.

Camembert

Fica bem ao natural, em tábuas de queijos ou como aperitivo para servir com frutas secas ou torradas e pães de sabor
neutro. Harmoniza com branco Chardonnay, tintos jovens, tinto Shyraz ou cerveja escura. Dica: retire da geladeira 30 minutos antes de consumir.

Queijo de mofo branco.

Queijos duros

Grana Padano

O Grana Padano é um perfeito aperitivo acompanhado de frios nobres. Harmoniza com vinhos encorpados. Dica: deve ser cortado em lascas.

Parmesão

Ótimo para ralar em escamas e gratinar ou salpicar sobre massas, carpaccios ou legumes cozisods. Também pode ser consumido ao natural com frios nobres. Harmoniza com vinhos encorpados. Dica: pode ser cortado em lascas como o Grana Padano.

Queijo duro.

Queijos semi duros

Emmental

Ideal para tábua de queijos acompanhado de frutas secas. Fatiado é indicado para o preparo de sanduíches finos como presunto royale. Harmoniza com vinho Chardonnay ou um tinto jovem. Dica: corte em pedaços finos e maiores para enfatizar as olhaduras.

Gruyere

Ideal para tábuas de queijos com frutas da estação. Pode ser ralado em escamas para gratinar carnes nobres.
Harmoniza com vinho Chardonnay ou um tinto jovem.

Gouda

Além das tábuas de queijos, é utilizado para preparar canapés ou frios nobres. Também ótimo para fatiar para sanduíches. Harmoniza com Chardonnay e encorpados. Dica: a casca vermelha pode ser consumida, pois o corante é natural.

Raclette

Ótimo para ser consumido com batatas cozidas, picles, salame e hambúrguer. Harmoniza com vinho branco Chardonnay. Dica: derrete e gratina muito bem. Pode ser aquecido no microondas.

Queijo raclette. Foto: Fernando Mafra.

Provolone

Sirva cortado em cubos com um fio de azeite e orégano ou como carpaccio sobrepondo as fatias cobrindo com azeite e alcaparras. Harmoniza com Tinto Malbec e Cervejas Claras.

Colonial

O queijo do colono em todos os momentos do seu dia! Vai bem com café da manhã e até com doces! Harmoniza com vinho colonial.

Bola

Ideal para sanduíches finos. Pode ser consumido com frutas da estação. Harmoniza com Chardonnay ou tintos jovens. Dicas: a casca vermelha pode ser consumida.

Queijo semi duro (provolone).

Monte sua tábua personalizada

Para fazer uma tábua apetitosa, você deve escolher seus queijos favoritos, seus frios de preferência e não esquecer os acompanhamentos: geleias, patês, frutas secas, azeites e temperos.

Harmonize seus queijos

Agora é hora de aprender a fazer uma recepção saborosa com queijos. Prática e fácil de preparar, essa harmonização combina com todos os paladares.

Escolha pelo menos 4 tipos de queijos: um mais fresco e cremoso como o boursin ou mozzarelline, um queijo com olhadura como o Emmental ou o Madrigal, mais adocicado, um queijo mofado de branco, como o Brie ou Camembert. Ao final, um queijo de massa dura, mais picante, como um maturado holandês ou Grana Padano. Confira no vídeo abaixo:

Vídeo “recebendo com queijos”, por André Guedes, expert Zona Sul.

Receitas

Depois de aprender sobre os estilos de queijos e aprender a montar uma tábua cheia de sabor para receber os amigos, confira algumas receitas pra arriscar sem medo de errar.